sexta-feira, 10 de outubro de 2008

Jane & Herondy - Grandes sucessos

Formada pela cantora Jane Vicentina do Espírito Santo, nascida em 1943 na cidade de Tatuí, SP, e por seu marido, o cantor Herondy Bueno. Jane fez parte do trio vocal os Três Moraes sendo irmã dos cantores Sidney e Roberto do Espírito Santo. Após o casamento com Herondy em 1970, deixou o trio Os Três Moraes e formou dupla com o marido.
Em 1975, lançaram LP pela RCA Victor com direção artística de Osmar Zan e arranjos e regências de Chico Moraes, Hareton Salvanini e Miguel Cidras, interpretando doze versões de músicas estrangeiras, entre as quais, "Um dia hás de voltar (One day in your life)"; "Nós nos amamos (One man woman)"; "Chuva de primavera (Laughter in the rain)" e "Meus olhos te adoram (My eyes adored you)", entre outras.
A dupla estourou nacionalmente com o sucesso "Não se vá", de Alain Barriere e versão de Thina, bastante executada nas Rádios e com grande vendagem de discos,que levou a dupla ao estrelato com diversas apresentações em TVs e shows lotados.
Em 1979, lançaram outro Lp pela RCA Victor, também com direção artística de Osmar Zan e arranjos e regencia de José Briamonte e José Paulo Soares, com destaque para as faixas "Eu não sabia que você existia", de Renato Barros e Tony; "Inteirinha", de Luiz Vieira; "Se eu pudesse", de Jair Amorim e Evaldo Gouveia; "Coisinha estúpida", de Carson Parks e versão de Gileno, e "Música suave", de Roberto Carlos e Erasmo Carlos.
Em 1985, adupla sofreu um acidente automobilístico na Via Anhanguera e devido ao grande afluxo de fãs, o hospital precisou colocar uma telefonista especialmente para atendê-los. Devido a esse acidente, a dupla ficou dois anos afastada dos palcos e das gravações. Em 1987, voltaram aos disco e lançaram LP pela gravadora 3M, com destaque para Como Deus mandou um dia", de Fernando Mendes e José Wilson; Quando olhei pra você", de Elias Muniz e Pinduca; "Juntos para sempre", de Elias Muniz; "Amante", de Carlos Cezar e José Homero, e a clássica "Guacira", de Heckel Tavares e Joracy Camargo.
A partir de então a dupla se afstou definitivamente das gravações mas continuou se apresentando em shows.
Em 2001, suas gravações das músicas "Não se vá", de Alain Barriere e versão de Thyna, e "Ama-me", de D. Cabuche, com versão de Martinha foram incluídas na trilha sonora do filme "Domésticas - O filme" dirigido por Fernando Meirelles e Nando Olival. Em 2004, apresentaram show na "Trash 80’s Vila Olímpia", em São Paulo. Em 2005, o casal se separou, porém continuou com a parceria artística preparando o lançamento de um novo disco.

lista de musicas:

01-NÃO SE VÁ

02-AMA-ME

03-VALE A PENA

04-EU TE AMAREI

05-É UM PROBLEMA

06-POR FAVOR AMOR

07-ESTOU AQUI

08-HISTÓRIA DE NÓS DOIS

09-LUZ AZUL

10-É TÃO SUBLIME O AMOR

11-COM MUITO AMOR

12-EU TE AMO TU ME AMAS

13-NÃO ME DEIXE

14-COISINHA ESTÚPIDA

15-POR MUITAS RAZÕES EU TE QUERO

16-FASCINAÇÃO


2 comentários:

Adalbafogo disse...

Bela postagem, parabéns!

Anônimo disse...

Baraben por todas as postagens esse blkog é um dos bons!! não tem como postar o disco da dupla de 1975 é um disco muito raro.